."A vida sem indústria é culpa, sem arte é brutalidade".

Ser designer é... ser responsável. É sentir que colabora na construção do mundo.
Quarta-feira, 9 de Abril de 2008

Ecologia

A palavra e o conceito foram criados em 1867 pelo biólogo alemão Ernst Haeckel.

«Em ecologia, o meio ambiente inclui não só os factores abióticos (meio físico-químico), mas também os seres vivos que habitam uma determinada comunidade ou biótopo.

O conjunto dos seres vivos que habitam um determinado espaço e o meio envolvente chama-se ecossistema. O conjunto de todos os ecossistemas do planeta é conhecido por biosfera (a esfera da vida). É esta biosfera que é necessário preservar, existem 10 a 20 milhões de espécies de seres vivos que apresentam uma diversidade de adaptações a condições ambientais muito distintas.

A biodiversidade que existe no planeta é traduzida pelas diferentes espécies de seres vivos que existem nos mais variados habitats. Quanto maior o número de espécies existentes num determinado local maior a sua biodiversidade.»


A
interferência desordenada do homem no meio ambiente é a grande causadora da perda da biodiversidade mundial. Plantas e animais têm sido exterminados de maneira muito rápida pela acção humana. A taxa de extermínio de espécies ocasionada pelo homem é 50 a 100 vezes superior aos índices de extinção por causa natural.(*)


Para além da extinção de espécies, existe actualmente um impacto global no planeta que resulta da actividade humana ao nível da utilização de recursos, na poluição que gera e nos espaços que são retirados aos ecossistemas naturais. Esse impacto é ainda na sua totalidade desconhecido, mas alguns exemplos são todos dias sentidos por todos nós:

(*) Extraído de: www.malhatlantica.pt/cnaturais/ecologia.
publicado por soloquente às 12:54
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Mariana a 13 de Abril de 2008 às 12:43


Chapitô
Quarta
Dia 16 de Abril Exposição ReCICLAGEM RECONSTRUTIVA: Uma viagem de possibilidades.
Trabalhos dos alunos do 1º ano da EPAOE coordenados por José V. S. Carvalho (Oficina Re Criativa)
Cada vez mais na sociedade contemporânea o consumismo descartável faz parte do nosso quotidiano. A tecnologia que nos invade constantemente criando uma indiscutível dependência, também deixa atrás de si uma enorme quantidade de equipamento informático que rapidamente se torna obsoleto e aparentemente inútil mas também um problema ambiental.
O mesmo acontece com as embalagens de produtos de consumo diário que invadem o nosso planeta de forma assustadora.
Através do estudo da forma, foram criadas composições de construção para novas linhas de leitura e interpretação.
Métodos alternativos de leitura de formas já pré concebidas, como ponto de partida para outras criações, novas linhas de pensamento e renovação de conceitos e ao mesmo tempo, uma abordagem crítica em relação à prática da descartabilidade gratuita que se vive quase inconscientemente nos dias de hoje.
Nesta exposição, são apresentados alguns desses trabalhos e outros de autoria do artista inseridos no mesmo contexto." www.chapitoblog.blogspot.com


Comentar post

.autor do blog

.pesquisar

 

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Inutensílios

. Links

. Fim de ciclo

. Escrita do Sudoeste

. Sobre a teoria do design

. Processo de design

. Os primórdios das artes g...

. Pictogramas

. pictogramas 1

. Pictogramas 2

.arquivos

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.links

."A vida sem indústria é culpa, sem arte é brutalidade".

Ser designer é... ser responsável. É sentir que colabora na construção do mundo.
blogs SAPO

.subscrever feeds